W
NW
N
N
NE
W
the Degree Confluence Project
E
SW
S
S
SE
E

Brazil : Minas Gerais

16.1 km (10.0 miles) E of Colônia Agro-Pecuária Brasilândia, Minas Gerais, Brazil
Approx. altitude: 558 m (1830 ft)
([?] maps: Google MapQuest OpenStreeMap ConfluenceNavigator)
Antipode: 17°N 134°E

Accuracy: 5 m (16 ft)
Quality:

Click on any of the images for the full-sized picture.

#2: Visão oeste - west view #3: Visão norte - north view #4: Visão leste - east view #5: Visão sul - south view #6: GPS

  { Main | Search | Countries | Information | Member Page | Random }

  17°S 46°W (visit #3)  

#1: Visão geral - general view

(visited by José Eduardo Guimarães Medeiros)

English

20-Dec-2018 -- Esta narrativa é uma continuação da visita 12S 49W.

Após passar a noite em Brasília, acordei cedo novamente e iniciei o último dia de minha viagem de Marabá para Belo Horizonte, por ocasião de nova mudança de cidade de minha família, na qual eu fiquei encarregado de transportar nosso carro e um de nossos gatos.

Atravessei a divisa do Distrito Federal com Goiás, depois a divisa de Goiás com Minas Gerais e, quando eu cheguei à cidade de João Pinheiro, peguei outra rodovia à esquerda, com destino à pequena cidade de Brasilândia de Minas, distante 92 quilômetros, dentro da qual localiza-se a confluência 17S 46W.

Conforme eu citei na narrativa da visita anterior, o fato de o gato estar me fazendo companhia nesta longa viagem fez com que eu só pudesse visitar confluências fáceis, com caminhadas finais muito curtas ou sem nenhuma caminhada, uma vez que eu não poderia deixar o gato trancado no carro e fazer longas e demoradas caminhadas. E, de fato, a confluência 17S 46W não exigiu caminhada nenhuma, uma vez que ela se localiza no limite da cidade, a 5 metros de uma rodovia. Ao chegar lá, só tive que parar o carro no acostamento, andar alguns metros e zerar o GPS.

Uma observação interessante a respeito da rodovia próxima da qual a confluência se localiza é que ela ainda era de terra quando da primeira visita a essa confluência, no ano de 2003. Já na segunda visita, realizada em 2016, ela já estava pavimentada.

Nesta confluência, ao contrário da confluência anterior, o gato realizou a visita junto comigo, uma vez que, mesmo sem ter saído do carro, ele se aproximou o suficiente do ponto exato para merecer constar na lista de visitantes. Porém, eu não o incluí na lista de visitantes por considerar que somente seres humanos devem constar nessa lista. Algumas pessoas têm entendimento diferente. Ray Yip, por exemplo, um importante entusiasta desse hobby de visitar confluências, com 140 visitas realizadas, a maioria na China, tem um cachorro chamado Oreo que, sempre que o acompanha em suas visitas, tem seu nome registrado na lista de visitantes.

Fiz o caminho de volta até João Pinheiro, onde tomei um lanche, em substituição ao almoço. Segui viagem e cheguei em Belo Horizonte ainda antes do anoitecer. Percorri neste terceiro e último dia de viagem 910 quilômetros, totalizando, nos três dias de viagem, 2.440 quilômetros.

Esta é a 29ª confluência que eu visito no estado de Minas Gerais. Este estado é, de longe, o estado em que eu mais visitei confluências. Essas visitas, porém, tiveram uma distribuição no tempo extremamente desigual. Nos meus dois primeiros anos de prática desse hobby de visitar confluências, eu morava em Minas Gerais e visitei 25 confluências no estado. Depois disso, devido ao fato de eu ter me mudado para bem longe, eu gastei mais de oito anos para visitar outras quatro confluências mineiras. Agora, estou voltando a morar em Minas Gerais, e justamente no norte do estado, onde se concentra a maioria das confluências mineiras que ainda não visitei. Isso, provavelmente, fará com que eu volte a visitar confluências mineiras com bastante frequência e alimentará, inclusive, a expectativa de que um dia eu complete todas as confluências do estado. Minas Gerais tem um total de 52 confluências, as 29 que já visitei representam 56% do total e faltam, portanto, 23 confluências para serem por mim visitadas.

English

This narrative continues from 12S 49W.

After spending the night at Brasília city, I woke up early again and started the last day of my trip from Marabá city, Pará state, to Belo Horizonte city, capital of Minas Gerais state, due to my family’s change of city, in which I received the task of transport our car and one of our cats.

I crossed the line between Federal District and Goiás state, then the line between Goiás state and Minas Gerais state and, when I arrived at João Pinheiro city, I caught other highway at left, heading to Brasilândia de Minas small city, 92 kilometers far, in which lies the confluence 17S 46W.

As I cited in the narrative of previous visit, as the cat was with me in this long trip, I could only visit easy confluences, with very small hikes or without any hike, because I couldn’t leave the cat locked in the car and make long and time-consuming hikes. And, in fact, the confluence 17S 46W didn’t demand any hike, because it lies at the edge of the city, 5 meters close to a highway. When I arrived there, I needed only to park the car at the shoulder, walk some meters and get all GPS zeroes.

An interesting observation about the highway that passes very close to the confluence is that it wasn’t paved yet during the first visit, in 2003. But in the second visit, in 2016, it was already paved.

In this confluence, in opposite to the previous one, the cat make the visit with me, because, even though it didn’t leave the car, it was close enough to the exact point to deserve be in the visitors list. However, I didn’t include it in the visitors list because I consider that only human beings must be in this list. Some people have other understanding. Ray Yip, for example, an important confluence visitor, with 140 visited confluences, the majority in China, has a dog called Oreo and, when it accompanies him in a visit, its name is registered in visitors list.

I made all the way back to João Pinheiro city, where I took a snack, replacing the lunch. I went ahead and arrived at Belo Horizonte city before sunset. I drove in this third and last day of trip 910 kilometers, totalizing, in three days of trip, 2,440 kilometers.

This is the 29th confluence that I visited in Minas Gerais state. This state is, by far, the state where I visited the largest number of confluences. These visits, however, had an extremely unequal distribution. During the first two years practicing the hobby of visiting confluences, I was living in Minas Gerais and visited 25 confluences. Then, due to my change to a city very far to Minas Gerais, I spent more than eight years to visit other four confluences in the state. Now, I was coming back to live in Minas Gerais, and exactly in the north of the state, where are concentrated the majority of confluences that I didn’t visit yet. Because of this, I will probably visit confluences in Minas Gerais much more frequently and, also, I have the expectation of, someday, complete all its confluences. The state has 52 confluences, the 29 ones that I already visited represents 56% of total and, then, it's remaining 23 to be visited by me.


 All pictures
#1: Visão geral - general view
#2: Visão oeste - west view
#3: Visão norte - north view
#4: Visão leste - east view
#5: Visão sul - south view
#6: GPS
ALL: All pictures on one page